Francisco Moita Flores atropelado pelo próprio carro, na Lourinhã. Escritor ficou com ferimentos naspernas

da brlwin: O escritor, ex-autarca e ex-inspetor da Polícia Judiciária Francisco Moita Flores terá sofrido um acidente com o seu carro, na zona da Lourinhã — ainda que os Bombeiros Voluntários da Lourinhã não confirmem os contornos do atropelamento, apenas a ocorrência, o Observador sabe que o carro não estaria travado e terá atingido as pernas de Moita Flores. Após ter sido dado o alerta, acabou por ser transportado para o serviço de Urgência do Hospital de Torres Vedras pelos bombeiros. Não corre, no entanto, risco de vida.

da roleta mágica: Moita Flores foi atropelado, ao início da tarde desta terça-feira, quando saía da casa de férias que detém na localidade de Porto Dinheiro (freguesia de Ribamar, no concelho da Lourinhã), tendo ficado ferido nos “membros inferiores”, explica uma fonte ao Observador.

[Já saiu o terceiro episódio de “Matar o Papa”, o novo podcast Plus do Observador que recua a 1982 para contar a história da tentativa de assassinato de João Paulo II em Fátima por um padre conservador espanhol. Ouça aqui o primeiro episódio e aqui o segundo episódio.]

Moita Flores absolvido no caso da construção de parque de estacionamento em Santarém

Os Bombeiros Voluntários da Lourinhã, questionados esta tarde, confirmaram o acidente que vitimou Moita Flores, adiantando que ex-Presidente da Câmara Municipal de Santarém foi transportado para a unidade hospitalar mais diferenciada na região oeste. “Tratou-se um atropelamento e o transporte foi feito para o Hospital de Torres Vedras”, explicam os bombeiros. Ao Observador, fonte hospitalar também confirmou que o escritor deu entrada naquela unidade, sublinhando que Moita Flores não corre risco de vida.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR