Edital de concurso para 110 vagas do governo do Piauí será lançado nesta segunda (3); inscrições dia 7

marjack bet Bônus de boas-vindas 150 R$.

  • Diversas modalidades disponíveis
9.9

5 Stars

fezbet Bônus de boas-vindas 150 R$.

  • Bônus de boas-vindas progressivo
9.9

5 Stars

imperador bet Bônus de boas-vindas 200 R$.

  • Muitos jogos Crash
9.9

5 Stars

betobet Bônus de boas-vindas 100 R$.

  • Apostas Grátis
9.9

5 Stars

dicasbet Bônus de boas-vindas 350 R$.

  • Sem aplicativo
9.9

5 Stars

novibet Bônus de boas-vindas 300 R$.

  • Bônus de boas-vindas e voucher de aniversário
9.9

5 Stars

moverbet Bônus de boas-vindas 100 R$.

  • Sportsbook gigante
9.9

5 Stars

da moverbet: 03/06/24, 11:54

Edital de concurso para 110 vagas do governo do Piauí será lançado nesta segunda (3); inscrições dia 7 Imprimir

da filme bingo: Foto: CCOM

O governador Rafael Fonteles anunciou, nesta segunda-feira (3), no Palácio de Karnak, a realização de concurso público com 110 vagas, além de cadastro de reserva, para as Secretarias da Administração (Sead), do Planejamento (Seplan) e para a Fundação Piauí Previdência (PiauíPrev). Será exigido curso superior para toda as vagas, com salário inicial de R$ 11.549,35. O edital será publicado até o início da noite desta segunda, no Diário Oficial do Estado (DOE) e nos sites da Seplan, Sead e Fundação Carlos Chagas (FCC), esta última a responsável pelos concursos.

As inscrições ocorrerão a partir do dia 7 de junho e vão até 4 de julho, exclusivamente por meio do site da Fundação Carlos Chagas, com a taxa de inscrição no valor R$ 180. Será permitida a inscrição para mais de um cargo, desde que não coincidam os horários da prova. A previsão é que as provas aconteçam dia 8 de setembro. 

“São concursos públicos em áreas que vão engrandecer e melhorar bastante a administração pública do Estado do Piauí: analista previdenciário e analista governamental. Com técnicos especializados, vamos continuar avançando na boa execução das políticas públicas”, afirmou o governador.

São 90 vagas para analista governamental, sendo 45 para a Seplan e 45 para a Sead, e as outras 20 para analista previdenciário da Fundação Piauí Previdência (PiauíPrev). Todos cargos exigem formação em curso superior.

Para analista governamental, serão quatro especialidades: gestão pública, planejamento e orçamento, infraestrutura e tecnologia da informação. Entre as formações atendidas no cargo estão arquitetura e urbanismo, engenheira de agrimensura, elétrica e civil, economia, ciências sociais e antropologia.

O concurso para o cargo de analista governamental terá prova objetiva, estudo de caso, prova de títulos, e um curso de formação, que é eliminatório. Já para o cargo de analista previdenciário, haverá prova objetiva e de títulos.

A primeira fase dos concursos está agendada para o dia 8 de setembro. As provas objetivas e discursivas serão realizadas em Teresina, durante dois turnos. No período da manhã para os cargos do quadro da Secretaria da Administração e para os cargos da Fundação Piauí Previdência e no período da tarde para os cargos do quadro da Secretaria do Planejamento.

O prazo de validade do concurso será de um ano sendo prorrogável uma vez, por igual período a critério da administração. “A Fundação Carlos Chagas quer entregar toda a lista dos aprovados em abril do ano que vem”, afirmou o secretário do Planejamento, Washington Bonfim.

 

Da Redação

Você pode receber direto no seu WhatsApp as principais notícias do CidadeVerde.com • Clique aqui e faça parte
• Envie sugestão de pauta Siga nas redes sociais Tags: concursoseadseplanpiauiprev